fbpx

HD Especialidades Odontológicas

Ansiedade e Medo

A ansiedade, o medo, pânico e fobias são situações que desviam as pessoas do consultório odontológico. Buscando uma solução para este fato, a odontologia se importa cada vez mais com o bem-estar dos pacientes, investindo em pesquisas e em técnicas de condicionamento.
A melhor forma de se reduzir a ansiedade e o medo do tratamento odontológico é a relação de confiança que deve ser desenvolvida entre paciente e profissional. Em alguns casos o controle pode ser obtido através da utilização de meios farmacológicos.

1) Sedação consciente

a) Medicação: O uso de medicamentos para sedação deve ser considerado pelo cirurgião-dentista quando o bem-estar do paciente não for alcançado através da relação estabelecida.
Existem procedimentos invasivos ou de longa duração onde o uso de fármacos é indicado, mesmo em pacientes sem histórico de ansiedade ou medo.
Os medicamentos utilizados para sedação são indicados de acordo com as características de cada paciente e do procedimento odontológico ao qual será submetido e, praticamente, não apresentam reações adversas ou efeitos tóxicos, sendo técnica amplamente utilizada devido à segurança farmacológica e o conforto obtido.

b) Óxido Nitroso: Óxido nitroso é um gás de efeitos sedativos, indicado para pacientes com ansiedade ou medo do tratamento odontológico.
A sedação consciente com óxido nitroso é técnica de sedação leve, segura e que tem seu controle de volume administrado, permitindo que o paciente restabeleça suas condições naturais imediatamente após a finalização da administração.

2) Sedação inconsciente

É induzida por medicamentos, sendo que o paciente ainda responde a estímulos dolorosos, devendo ser combinada com o uso de anestésicos locais, em caso de procedimentos invasivos. Diferente da sedação consciente, ministrada pelo próprio cirurgião-dentista, a sedação inconsciente é intravenosa e realizada por um médico anestesiologista presente.

3) Protocolo do HD

O HD – Hospital do Dente busca, nas consultas iniciais, detalhar o tratamento, eliminar dúvidas e realizar procedimentos simples, estabelecendo, desta maneira, a relação de confiança necessária ao tratamento odontológico com alto nível de bem-estar para o paciente.
Em casos específicos são utilizados medicamentos para proporcionar o resultado esperado pelo paciente.